TOMIE OHTAKE

TOMIE OHTAKE

Nasceu em 21 de novembro de 1913, em Quioto, Japão.

Foi uma artista plástica japonesa naturalizada brasileira. É uma das principais representantes do abstracionismo informal.

Pela sua carreira consagrada, Tomie Ohtake é considerada a “dama das artes plástica brasileira”.

Tomie Ohtake é a mãe do arquiteto Ruy Ohtake e Ricardo Ohtake, diretor do Instituto Tomie Ohtake.

Empregou ao longo da década de 1960 o uso de tons contrastantes. Revelou afinidade com a obra do pintor Mark Rothko, “na pulsação obtida em suas telas pelo uso da cor e nos refinados jogos de equilíbrio”.

Atualmente, 27 de suas obras são obras públicas, as quais estão em algumas cidades brasileiras. Em São Paulo, algumas dessas obras se tornaram marcos paulistanos, como os quatro grandes painéis da Estação Consolação do Metrô de São Paulo, a escultura em concreto armado na Avenida 23 de Maio e a pintura em parede cega no centro, na Ladeira da Memória.

Faleceu em 12 de fevereiro de 2015, em São Paulo.

Mais obras deste Artista

Cadastro de

Newsletter

Cadastre seu nome e e-mail para receber nossas novidades!